Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Servidores em greve ocupam Prefeitura de Timóteo

Eles afirmam só retornar às atividades quando o prefeito Cleidson Domingues Drumond atender as reivindicações da categoria

Escrito por: Confetam/CUT • Publicado em: 19/05/2016 - 10:16 • Última modificação: 20/05/2016 - 18:20 Escrito por: Confetam/CUT Publicado em: 19/05/2016 - 10:16 Última modificação: 20/05/2016 - 18:20

. Marcos de Jesus Leandro é diretor da Confetam  

Nesta quarta-feira (18), décimo dia de greve dos servidores públicos municipais de Timóteo (MG), os trabalhadores ocuparam a antessala do prefeito exigindo o início das negociações da Campanha Salarial da categoria. Eles pressionam pela abertura de diálogo com o gestor para que ele apresente uma proposta de reajuste que contemple o funcionalismo. O prefeito Cleidson Domingues Drumond (PT) não é encontrado na cidade e apenas os seus secretários conseguem contato com ele. 

A greve foi decidida em assembleia da categoria, realizado no dia 3 de maio, sendo deflagrada seis dias depois. A deliberação foi comunicada à Prefeitura e ao presidente da Câmara Municipal, Moacir de Castro Araújo, por meio de ofício, protocolado no dia 4 de maio. 

"Só retornaremos às nossas atividades se a Administração atender nossas reivindicações econômicas", dizia o texto do ofício assinado pelo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Timóteo (Sinsep), Israel dos Passos Archanjo.

Título: Servidores em greve ocupam Prefeitura de Timóteo, Conteúdo: Nesta quarta-feira (18), décimo dia de greve dos servidores públicos municipais de Timóteo (MG), os trabalhadores ocuparam a antessala do prefeito exigindo o início das negociações da Campanha Salarial da categoria. Eles pressionam pela abertura de diálogo com o gestor para que ele apresente uma proposta de reajuste que contemple o funcionalismo. O prefeito Cleidson Domingues Drumond (PT) não é encontrado na cidade e apenas os seus secretários conseguem contato com ele.  A greve foi decidida em assembleia da categoria, realizado no dia 3 de maio, sendo deflagrada seis dias depois. A deliberação foi comunicada à Prefeitura e ao presidente da Câmara Municipal, Moacir de Castro Araújo, por meio de ofício, protocolado no dia 4 de maio.  Só retornaremos às nossas atividades se a Administração atender nossas reivindicações econômicas, dizia o texto do ofício assinado pelo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Timóteo (Sinsep), Israel dos Passos Archanjo.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.