Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Representantes de 24 estados participam de 3º Plenária do Plebiscito pela Constituinte

Comitês se organizam para debater a proposta de uma nova Constituinte do Sistema Político entre os dias 16 e 17 de Maio

Escrito por: • Publicado em: 16/05/2014 - 00:00 Escrito por: Publicado em: 16/05/2014 - 00:00

A III Plenária Nacional do Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político acontece nos dia 16 e 17 de Maio de 2014, em São Paulo (SP), com o objetivo de compartilhar experiências dos estados, bem como os informes nacionais. Representantes dos comitês estaduais de 24 estados já confirmaram presença.
A Plenária tem como meta traças estratégias para massificar a campanha do Plebiscito Constituinte e atingir os mais amplos setores da população brasileira, além de debater quais os avanços na conquista de direitos do povo brasileiro que devem passar urgentemente pela reforma política, tais como: o financiamento público de campanha, paridade na representação da mulher, negros e indígenas no Congresso Nacional, além da democratização da comunicação e muitos outros.
Um Ato Político no dia 16 de maio, às 19h, no Auditório do Sindicato dos Químicos de São Paulo, marca o início da III Plenária nacional, com o objetivo de abrir espaço para diversos movimentos e organizações expressarem seu apoio à construção de uma nova Constituinte do Sistema Político.
A programação continua no sábado, 17, a partir das 9 horas, no auditório da APEOESP, com uma mesa de debate sobre “O Plebiscito Constituinte e a atual conjuntura: balanço da campanha”. No período da tarde, a Plenária discutirá a metodologia de votação do Plebiscito, cursos de formação e informes gerais.
“Nesta Plenária vamos planejar as estratégias de fortalecimento e massificação do Plebiscito, principalmente por meio dos cursos de formação. Vamos discutir também os rumos organizacionais e políticos da campanha, junto com a agenda de lutas, com a tarefa de fazer desse processo coletivo, que é a construção do Plebiscito, uma ampla mobilização popular que tenha poder de pressionar o Congresso Nacional com uma votação massiva em setembro”, disse Paola Estrada, da Secretaria Operativa Nacional do Plebiscito Constituinte.
Dia Nacional de Luta
Uma das ações de mobilização para a Plenária Nacional foi a consolidação do dia 7 de Maio, como o Dia Nacional de Luta pela Constituinte do Sistema Político, que se tornou um momento oportuno para apresentar a campanha para setores que ainda não a aderiram e trazê-los para a luta nas redes e nas ruas.
Durante os últimos seis meses comitês estaduais, regionais e locais do Plebiscito Constituinte, foram criados e espalhados por todos os estados brasileiros e, realizaram atos massivos, envolvendo todas as mais de 200 entidades que constroem a campanha. Mobilizações estão sendo realizadas em todas as regiões, através de ações de rua, debates, cursos e demais atividades de formação.
Confira a programação completa:
16.05.2014 – Sexta-feira
19h - Ato Político Cultural
Local: Auditório do Sindicato dos Químicos de São Paulo - Rua Tamandaré, 348, Liberdade
17.05.2014 - Sábado
Encontro dos movimentos sociais na Plenária Nacional
9h – Mesa “O Plebiscito Constituinte e a atual conjuntura: balanço da campanha”
10h – Repasses dos Comitês Estaduais
11h – Debate
12h – Almoço
14h – Metodologia de votação
15h – Curso dos 1000
16h – Informe das Finanças
16:30h – Informe da Comunicação
17h – Síntese e desafios
18h – Encerramento
Local: Auditório da APEOESP – Praça da República, 282, São Paulo-SP
COMO PARTICIPAR DO PLEBISCITO POPULAR?
Os Comitês Populares são os instrumentos para quem deseja construir e participar do Plebiscito. Trata-se de um grupo de organizações e/ou pessoas responsáveis por organizar as atividades relativas ao Plebiscito até chegar a Semana da Pátria (01 a 07 de Setembro de 2014) quando ocorrerá a votação do Plebiscito Popular. Pode-se organizar um Comitê Popular nos estados, municípios, bairros, escolas, igrejas, sindicatos, associações de bairro, universidades, comunidades rurais, grupos culturais, ou seja, em qualquer local que reúna os interessados em participar da Campanha.
Já são mais de 300 comitês organizados por todo país, que realizam Palestras, Cursos de Formação, Panfletagens, Manifestações, entre outras atividades.
PARA CRIAR UM COMITÊ POPULAR, O QUE FAZER?

Basta que tenha uma pessoa interessada em participar do Plebiscito para que o Comitê exista. A partir daí, pode-se chamar familiares, amigos, colegas de escola, pessoas próximas para juntarem-se e organizá-lo. Formado o Comitê e em contato com os Comitês do seu município, de municípios próximos ou do seu Estado é só começar a organizar atividades!
Tudo isso ajudará a multiplicar a ideia do Plebiscito para que se colete ao menos 10 milhões de votos por todo o Brasil. A meta da Campanha é ter ao menos um Comitê Popular em cada bairro das grandes cidades, em cada município do interior, em cada paróquia, assentamento, comunidade de todos os estados brasileiros.
Fonte: CUT Nacional

Título: Representantes de 24 estados participam de 3º Plenária do Plebiscito pela Constituinte, Conteúdo: A III Plenária Nacional do Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político acontece nos dia 16 e 17 de Maio de 2014, em São Paulo (SP), com o objetivo de compartilhar experiências dos estados, bem como os informes nacionais. Representantes dos comitês estaduais de 24 estados já confirmaram presença. A Plenária tem como meta traças estratégias para massificar a campanha do Plebiscito Constituinte e atingir os mais amplos setores da população brasileira, além de debater quais os avanços na conquista de direitos do povo brasileiro que devem passar urgentemente pela reforma política, tais como: o financiamento público de campanha, paridade na representação da mulher, negros e indígenas no Congresso Nacional, além da democratização da comunicação e muitos outros. Um Ato Político no dia 16 de maio, às 19h, no Auditório do Sindicato dos Químicos de São Paulo, marca o início da III Plenária nacional, com o objetivo de abrir espaço para diversos movimentos e organizações expressarem seu apoio à construção de uma nova Constituinte do Sistema Político. A programação continua no sábado, 17, a partir das 9 horas, no auditório da APEOESP, com uma mesa de debate sobre “O Plebiscito Constituinte e a atual conjuntura: balanço da campanha”. No período da tarde, a Plenária discutirá a metodologia de votação do Plebiscito, cursos de formação e informes gerais. “Nesta Plenária vamos planejar as estratégias de fortalecimento e massificação do Plebiscito, principalmente por meio dos cursos de formação. Vamos discutir também os rumos organizacionais e políticos da campanha, junto com a agenda de lutas, com a tarefa de fazer desse processo coletivo, que é a construção do Plebiscito, uma ampla mobilização popular que tenha poder de pressionar o Congresso Nacional com uma votação massiva em setembro”, disse Paola Estrada, da Secretaria Operativa Nacional do Plebiscito Constituinte. Dia Nacional de Luta Uma das ações de mobilização para a Plenária Nacional foi a consolidação do dia 7 de Maio, como o Dia Nacional de Luta pela Constituinte do Sistema Político, que se tornou um momento oportuno para apresentar a campanha para setores que ainda não a aderiram e trazê-los para a luta nas redes e nas ruas. Durante os últimos seis meses comitês estaduais, regionais e locais do Plebiscito Constituinte, foram criados e espalhados por todos os estados brasileiros e, realizaram atos massivos, envolvendo todas as mais de 200 entidades que constroem a campanha. Mobilizações estão sendo realizadas em todas as regiões, através de ações de rua, debates, cursos e demais atividades de formação. Confira a programação completa: 16.05.2014 – Sexta-feira 19h - Ato Político Cultural Local: Auditório do Sindicato dos Químicos de São Paulo - Rua Tamandaré, 348, Liberdade 17.05.2014 - Sábado Encontro dos movimentos sociais na Plenária Nacional 9h – Mesa “O Plebiscito Constituinte e a atual conjuntura: balanço da campanha” 10h – Repasses dos Comitês Estaduais 11h – Debate 12h – Almoço 14h – Metodologia de votação 15h – Curso dos 1000 16h – Informe das Finanças 16:30h – Informe da Comunicação 17h – Síntese e desafios 18h – Encerramento Local: Auditório da APEOESP – Praça da República, 282, São Paulo-SP COMO PARTICIPAR DO PLEBISCITO POPULAR? Os Comitês Populares são os instrumentos para quem deseja construir e participar do Plebiscito. Trata-se de um grupo de organizações e/ou pessoas responsáveis por organizar as atividades relativas ao Plebiscito até chegar a Semana da Pátria (01 a 07 de Setembro de 2014) quando ocorrerá a votação do Plebiscito Popular. Pode-se organizar um Comitê Popular nos estados, municípios, bairros, escolas, igrejas, sindicatos, associações de bairro, universidades, comunidades rurais, grupos culturais, ou seja, em qualquer local que reúna os interessados em participar da Campanha. Já são mais de 300 comitês organizados por todo país, que realizam Palestras, Cursos de Formação, Panfletagens, Manifestações, entre outras atividades. PARA CRIAR UM COMITÊ POPULAR, O QUE FAZER? Basta que tenha uma pessoa interessada em participar do Plebiscito para que o Comitê exista. A partir daí, pode-se chamar familiares, amigos, colegas de escola, pessoas próximas para juntarem-se e organizá-lo. Formado o Comitê e em contato com os Comitês do seu município, de municípios próximos ou do seu Estado é só começar a organizar atividades! Tudo isso ajudará a multiplicar a ideia do Plebiscito para que se colete ao menos 10 milhões de votos por todo o Brasil. A meta da Campanha é ter ao menos um Comitê Popular em cada bairro das grandes cidades, em cada município do interior, em cada paróquia, assentamento, comunidade de todos os estados brasileiros. Fonte: CUT Nacional



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.