Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

PPQ é eliminado da vida dos servidores

Acaba de ser aprovado em segundo turno o projeto que incorpora o PPQ aos vencimentos dos servidores municipais.

Escrito por: • Publicado em: 09/05/2013 - 00:00 Escrito por: Publicado em: 09/05/2013 - 00:00

O projeto segue agora para sanção do prefeito.
O projeto também eleva o piso mínimo do funcionalismo público municipal para R$1,1 mil. Este é um avanço importante, mas precisamos estar atentos a outros fatores em seguida.
É preciso atenção para a adequações desses valores para os Planos de Carreiras, Cargos e Salários. Essa discussão será feita em seguida, e todos nós, vereadores, poder Executivo e trabalhadores devemos nos debruçar sobre a matéria para que não haja distorções.
Por outro lado, a extinção do PPQ é uma boa indicação do diálogo aberto com os trabalhadores. Todos sabemos que a gratificação não é boa nem para o trabalhador, nem para o gestor. Esse debate é feito pelos sindicatos há muito tempo, e tenho certeza que ele só foi absorvido pela Prefeitura porque mudamos a gestão municipal nas eleições de 2012.
Então, apesar de ainda haver coisas a corrigir e a se debater, como os Planos de Carreiras, acredito que o caminho está mais claro e mais aberto para todos, vereadores e trabalhadores.
Por: Vereadora professora Josete

Título: PPQ é eliminado da vida dos servidores, Conteúdo: O projeto segue agora para sanção do prefeito. O projeto também eleva o piso mínimo do funcionalismo público municipal para R$1,1 mil. Este é um avanço importante, mas precisamos estar atentos a outros fatores em seguida. É preciso atenção para a adequações desses valores para os Planos de Carreiras, Cargos e Salários. Essa discussão será feita em seguida, e todos nós, vereadores, poder Executivo e trabalhadores devemos nos debruçar sobre a matéria para que não haja distorções. Por outro lado, a extinção do PPQ é uma boa indicação do diálogo aberto com os trabalhadores. Todos sabemos que a gratificação não é boa nem para o trabalhador, nem para o gestor. Esse debate é feito pelos sindicatos há muito tempo, e tenho certeza que ele só foi absorvido pela Prefeitura porque mudamos a gestão municipal nas eleições de 2012. Então, apesar de ainda haver coisas a corrigir e a se debater, como os Planos de Carreiras, acredito que o caminho está mais claro e mais aberto para todos, vereadores e trabalhadores. Por: Vereadora professora Josete



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.