Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Pauta Travada dos(as) Municipais do Brasil é cobrada novamente em Marcha Nacional

A CONFETAM se juntou os mais de 40 mil homens e mulheres em São Paulo no dia 09 de Abril na realização da Marcha da Classe Trabalhadora.

Escrito por: • Publicado em: 10/04/2014 - 00:00 Escrito por: Publicado em: 10/04/2014 - 00:00

A CONFETAM se juntou os mais de 40 mil homens e mulheres em São Paulo no dia 09 de Abril na realização da Marcha da Classe Trabalhadora que, em sua 8ª edição, subiu o tom no sentido de cobrar o atendimento à agenda dos(as) trabalhadores(as) por parte do Governo Dilma.

A própria CONFETAM protocolou em 2013 um documento apresentado uma demanda urgente do Ramo dos Municipais. A Direção Executiva da entidade que esteve presente na Marcha se compõe de dirigentes de quase todos os estados brasileiros assegurando entre outras percepções a de possuirmos um olhar nacional sobre a vida nos Municípios.
A Qualidade do Serviço Público dentro da realidade brasileira, principalmente, no âmbito municipal, apresenta-se como um desafio que demonstra a exigência de transformações urgentes. 
Ao longo da História de toda a existência da administração pública no Brasil, a maioria da população sempre esteve excluída da participação da gestão pública e de seus benefícios, o Estado manteve com o servidor uma relação ao mesmo tempo autoritária, cooptativa e clientelista e o servidor manteve uma relação com o Estado, marcada pela conveniência pessoal e a submissão. 
"Na 8ª Marcha a nossa militância foi às ruas nos estados e nos municípios e aqui em São Paulo, num ato nacional, reiteramos a agenda do Ramo dos Municipais. Com isso, reafirmamos nosso crédito ao novo Brasil que o Presidente Lula e a Presidenta Dilma Rousseff inauguraram com a visão de um País para todos e todas, sem miséria, com Justiça Social e com respeito à Liberdade de Organização Sindical. Mas precisamos avançar no processo de diálogo pondo na mesa de negociação coletiva a contemplação dos Direitos Constitucionais e os Direitos Éticos e de Cidadania da categoria dos Servidores Públicos Municipais do Brasil," afirmou Professora Vilani (Presidenta da CONFETAM/CUT)
Título: Pauta Travada dos(as) Municipais do Brasil é cobrada novamente em Marcha Nacional, Conteúdo: A CONFETAM se juntou os mais de 40 mil homens e mulheres em São Paulo no dia 09 de Abril na realização da Marcha da Classe Trabalhadora que, em sua 8ª edição, subiu o tom no sentido de cobrar o atendimento à agenda dos(as) trabalhadores(as) por parte do Governo Dilma. A própria CONFETAM protocolou em 2013 um documento apresentado uma demanda urgente do Ramo dos Municipais. A Direção Executiva da entidade que esteve presente na Marcha se compõe de dirigentes de quase todos os estados brasileiros assegurando entre outras percepções a de possuirmos um olhar nacional sobre a vida nos Municípios. A Qualidade do Serviço Público dentro da realidade brasileira, principalmente, no âmbito municipal, apresenta-se como um desafio que demonstra a exigência de transformações urgentes.  Ao longo da História de toda a existência da administração pública no Brasil, a maioria da população sempre esteve excluída da participação da gestão pública e de seus benefícios, o Estado manteve com o servidor uma relação ao mesmo tempo autoritária, cooptativa e clientelista e o servidor manteve uma relação com o Estado, marcada pela conveniência pessoal e a submissão.  Na 8ª Marcha a nossa militância foi às ruas nos estados e nos municípios e aqui em São Paulo, num ato nacional, reiteramos a agenda do Ramo dos Municipais. Com isso, reafirmamos nosso crédito ao novo Brasil que o Presidente Lula e a Presidenta Dilma Rousseff inauguraram com a visão de um País para todos e todas, sem miséria, com Justiça Social e com respeito à Liberdade de Organização Sindical. Mas precisamos avançar no processo de diálogo pondo na mesa de negociação coletiva a contemplação dos Direitos Constitucionais e os Direitos Éticos e de Cidadania da categoria dos Servidores Públicos Municipais do Brasil, afirmou Professora Vilani (Presidenta da CONFETAM/CUT)



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.