Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Neste 1º de Maio, milhares de brasileiros ocuparão as ruas em defesa da democracia

Em várias cidades do Brasil, a Virada contra o Golpe já iniciou hoje e prossegue no domingo, 1º de maio, data em que se celebra o Dia do Trabalhador

Escrito por: Confetam/CUT • Publicado em: 30/04/2016 - 17:55 • Última modificação: 02/05/2016 - 17:52 Escrito por: Confetam/CUT Publicado em: 30/04/2016 - 17:55 Última modificação: 02/05/2016 - 17:52

Lydiane Ponciano Dilma e Lula discursarão contra o golpe

A presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmaram presença na celebração do 1º de Maio, em São Paulo, no Vale do Anhangabaú. O evento tem início previsto para as 10 horas deste domingo, com participação de Lula agendada para as 13 horas e de Dilma para as 14 horas. Também comparecerão ministros, deputados, senadores e personalidades. O ato poderá ser acompanhado ao vivo no site da Central Única dos Trabalhadores (www.cut.org.br).

Por todo o Brasil, o Dia do Trabalhador da CUT será comemorado em conjunto com os movimentos sociais, estudantis, negros, mulheres, LGBTs e partidos políticos que lideram a luta em defesa da democracia, contra o golpe e a retirada de direitos.

Além da CUT, participarão dos atos mais de 60 entidades integrantes da Frente Brasil Popular e da Frente Povo sem Medo, entre elas a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Intersindical, Movimento dos Sem Terra (MST), Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e Central de Movimentos Populares (CMP). Juntas, elas denunciarão o golpe em curso no Brasil e explicarão para a sociedade que a maior prejudicada, caso o golpe parlamentar se concretize, será a classe trabalhadora.

Golpe contra os trabalhadores

Constatação nesse sentido foi feita pela presidente da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam), Vilani Oliveira, durante a cerimônia de abertura do II Congresso Extraordinário da entidade, nesta quarta-feira (27), em Florianópolis. Ela citou a declaração de Benjamin Steinbruch, vice-presidente da Federação das Indústrias de São Paulo (FIESP), de que trabalhadores não precisariam de uma hora para almoço.

“Para o vice-presidente da FIESP, entidade empresarial patrocinadora do golpe, 15 minutos seriam suficientes para refeições. É disto que estamos falando, de abrir mão de direitos como 13º salário, de um terço das férias. A extinção dos nossos direitos está na pauta do golpe”, denunciou a presidente da Confetam, convocando os trabalhadores a reagirem.  

Em memória dos que tombaram

“Temos de compreender a nossa responsabilidade e honrar a memória dos que tombaram na luta em defesa da democracia. Nenhum passo atrás, nenhum direito a menos”, conclamou Vilani Oliveira.

Para a Confetam/CUT, o projeto do vice-presidente, Michel Temer, e dos empresários que financiam o golpe é extinguir ou reduzir programas sociais e direitos conquistados com muita luta, como carteira assinada. Eles já cogitam acabar com a política de valorização do salário mínimo, reformar a Previdência, e privatizar tudo o que for possível, como querem os patrões.

Confira os atos em todo o país

Denominados de “Assembleia Nacional dos Trabalhadores em Defesa da Democracia e dos Direitos”, os atos políticos e culturais do Dia 1º de Maio, que promete ser o maior da História, se espalharão por todo o Brasil, não só nas capitais dos estados, mas também em vários municípios do Interior. Confira o local e o horário da manifestação sem sua cidade e participe.

Alagoas

Cidade: Maceió

7h - Concentração no Posto 7 (Praia) caminhada até Alagoinha (2 KM)

12hs – Encerramento com Ato Político e Cultural pela Democracia 

Bahia

Cidade: Salvador

11h - Ato político, ecumênico e cultural em defesa da democracia, contra o golpe e por direitos, no Farol da Barra. Também ocorrerão atos em Itabuna, Eunápolis, Vitoria da Conquista, Paulo Afonso, Camaçari, Vale Jiquiriçá, Valença e Santo Antônio de Jesus

Ceará

Cidade: Fortaleza

8h - Concentração  na Areninha do Pirambu, antigo Kartódromo da Avenida Leste Oeste, seguida de caminha pela Avenida Presidente Castelo Branco e encerramento com ato político no Cuca da Barra.

Cidade: Icó

7h30 - Concentração no Balão de Padre Cícero

Distrito Federal

Cidade: Brasilia 

16h - dia 30 - Virada Cultural, com apresentação teatral para crianças e, a partir das 19h, shows com artistas da cidade.

1º de Maio - Ato político e encerrando com roda de samba (Eixo Monumental Setor Divulgação Cultural - estacionamento da Funarte - entre a Torre de TV e a Funarte)

Espírito Santo

Cidade: Vitória

10h - dia 30 - Feria da Agricultura Familiar e Economia Solidária, no Espaço Vida Saudável

19h - Luau com Preta Roots e Renato Casanova

7h - dia 1º – Concentração e caminhada da Praça dos Namorados até o Espaço Vida Saudável

11hs – Ato Político e show com Mano Feijó, Gang Sem Frescura e Bloco Bleque

Goiás

Cidade: Goiânia

10h - dia 30 - Início da Virada, na Praça do Trabalhador

1º de Maio - Apresentações culturais e ato político.

Maranhão

Cidade: São Luís

9h – dia 1º – Caminhada do Trabalhador, na Praça João Lisboa

Mato Grosso

Cidade: Cuiabá

15h – dia 1º - Caminhada do INCRA-CPA até Praça Cultural CPA II

17 h - Ato Político pela Democracia, com atividades Culturais

Minas Gerais

Cidade: Belo Horizonte

10h – dia 1º - Ato em defesa da democracia e contra o golpe, com marcha da Praça Afonso Arinos até a Praça da Liberdade, seguida de ato político-cultural na Praça da Liberdade e lançamento do Acampamento da Democracia 

Pará

Cidade: Belém

8h – dia 1º - Ato cultural na Praça da República, com café de acolhida e participação dos movimentos sociais 

Paraíba

Cidade: João Pessoa

Ato “Democrassoca” em alusão às muriçocas do bloco de Carnaval Miramar, saindo da Praça das Muriçocas até o busto de Tamandaré, com manifestações culturais e políticas

Pernambuco

Cidade: Recife

9h – dia 1º - Caminhada pelo Centro de Recife, terminando na Rua da Moeda (Recife Velho)

12h - Ato Político

14h – Ato Cultural na tradicional Festa da Lavadeira

Rio de Janeiro

Cidade: Rio de Janeiro

20h – dia 30 – Viradão de sábado para domingo, na Lapa, com a Juventude e atrações culturais

14h – dia 1º - Roda de Samba na Lapa 

Rio Grande do Norte

Cidade: Natal

9h - dia 1º - Ato de resistência ao golpe, com concentração na Praça das Flores, em Petrópolis, seguido de caminhada até a Praia do Meio

Cidade: Mossoró

17h30 – dia 30 - Roda de conversa sobre conjuntura e as consequências do golpe para a classe trabalhadora, na Praça da Igreja Nossa Senhora de Fátima

Rio Grande do Sul

Cidade: Porto Alegre

10h – dia 1º - Ato público no Monumento dos Expedicionários, no Parque da Redenção 

Rondônia

Cidade: Porto Velho 

16h – dia 1º - Ato político e cultural, com panfletagem na Praça Madeira Mamoré 

Roraima

Cidade: Boa Vista

8 às 18h – dia 1º - Encontro na sede da FETRAFERR com trabalhadores rurais e urbanos, seguido de Ato pela Democracia

São Paulo

Cidade: São Paulo

10h – dia 1º - Assembleia Popular da Classe Trabalhadora contra o Golpe em Defesa da Democracia e por Nossos Direitos, no Vale do Anhangabaú, com participação da presidenta Dilma e do ex-presidente Lula

Cidade: Sâo Sebastião (Praia do Camburi)

7h – dia 1º - Caminhada dos Trabalhadores, na Praça dos Namorados

Cidade: Campinas

9h – dia 1º - Missa dos Trabalhadores na Catedral Metropolitana

14h - Ato político e cultural na Praça de Esportes Amil Rached

Cidade: Bauru

18h – dia 1º - Ato político, seguido de shows e roda de samba na Vitória Regia

Cidade: São Bernardo

10h – dia 1º - Ato no Espaço de Eventos Poliesportivos (Av. Kennedy)

Santa Catarina

Cidade: Florianópolis

15h – dia 1º - Dia de Luta dos Trabalhadores e Trabalhadoras no Largo da Alfândega

Cidade: Chapecó

16h – dia 1º - Mateada dos Trabalhadores contra o Golpe e em Defesa da Democracia, em frente a Igreja Católica do Bairro Colatto

Cidade: Joinville

9h30 - Encontro pela Democracia no Parque da Cidade

Cidade: Laguna

15h – dia 1º - Ato em Defesa da Democracia e dos Nossos Direitos, próximo a Ponte Anita Garibaldi, em Cabeçudas

Cidade: Blumenau

15h – dia 1º- Ato da Classe Trabalhadora em Defesa da Democracia na Praça Dr. Blumenau

Sergipe

Cidade: Aracajú

14h – dia 1º - Assembleia dos Trabalhadores contra o golpe, na Praça da Juventude, no Conjunto Augusto Franco

Com informações da CUT Brasil

Título: Neste 1º de Maio, milhares de brasileiros ocuparão as ruas em defesa da democracia, Conteúdo: A presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmaram presença na celebração do 1º de Maio, em São Paulo, no Vale do Anhangabaú. O evento tem início previsto para as 10 horas deste domingo, com participação de Lula agendada para as 13 horas e de Dilma para as 14 horas. Também comparecerão ministros, deputados, senadores e personalidades. O ato poderá ser acompanhado ao vivo no site da Central Única dos Trabalhadores (www.cut.org.br). Por todo o Brasil, o Dia do Trabalhador da CUT será comemorado em conjunto com os movimentos sociais, estudantis, negros, mulheres, LGBTs e partidos políticos que lideram a luta em defesa da democracia, contra o golpe e a retirada de direitos. Além da CUT, participarão dos atos mais de 60 entidades integrantes da Frente Brasil Popular e da Frente Povo sem Medo, entre elas a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Intersindical, Movimento dos Sem Terra (MST), Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e Central de Movimentos Populares (CMP). Juntas, elas denunciarão o golpe em curso no Brasil e explicarão para a sociedade que a maior prejudicada, caso o golpe parlamentar se concretize, será a classe trabalhadora. Golpe contra os trabalhadores Constatação nesse sentido foi feita pela presidente da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam), Vilani Oliveira, durante a cerimônia de abertura do II Congresso Extraordinário da entidade, nesta quarta-feira (27), em Florianópolis. Ela citou a declaração de Benjamin Steinbruch, vice-presidente da Federação das Indústrias de São Paulo (FIESP), de que trabalhadores não precisariam de uma hora para almoço. “Para o vice-presidente da FIESP, entidade empresarial patrocinadora do golpe, 15 minutos seriam suficientes para refeições. É disto que estamos falando, de abrir mão de direitos como 13º salário, de um terço das férias. A extinção dos nossos direitos está na pauta do golpe”, denunciou a presidente da Confetam, convocando os trabalhadores a reagirem.   Em memória dos que tombaram “Temos de compreender a nossa responsabilidade e honrar a memória dos que tombaram na luta em defesa da democracia. Nenhum passo atrás, nenhum direito a menos”, conclamou Vilani Oliveira. Para a Confetam/CUT, o projeto do vice-presidente, Michel Temer, e dos empresários que financiam o golpe é extinguir ou reduzir programas sociais e direitos conquistados com muita luta, como carteira assinada. Eles já cogitam acabar com a política de valorização do salário mínimo, reformar a Previdência, e privatizar tudo o que for possível, como querem os patrões. Confira os atos em todo o país Denominados de “Assembleia Nacional dos Trabalhadores em Defesa da Democracia e dos Direitos”, os atos políticos e culturais do Dia 1º de Maio, que promete ser o maior da História, se espalharão por todo o Brasil, não só nas capitais dos estados, mas também em vários municípios do Interior. Confira o local e o horário da manifestação sem sua cidade e participe. Alagoas Cidade: Maceió 7h - Concentração no Posto 7 (Praia) caminhada até Alagoinha (2 KM) 12hs – Encerramento com Ato Político e Cultural pela Democracia  Bahia Cidade: Salvador 11h - Ato político, ecumênico e cultural em defesa da democracia, contra o golpe e por direitos, no Farol da Barra. Também ocorrerão atos em Itabuna, Eunápolis, Vitoria da Conquista, Paulo Afonso, Camaçari, Vale Jiquiriçá, Valença e Santo Antônio de Jesus Ceará Cidade: Fortaleza 8h - Concentração  na Areninha do Pirambu, antigo Kartódromo da Avenida Leste Oeste, seguida de caminha pela Avenida Presidente Castelo Branco e encerramento com ato político no Cuca da Barra. Cidade: Icó 7h30 - Concentração no Balão de Padre Cícero Distrito Federal Cidade: Brasilia  16h - dia 30 - Virada Cultural, com apresentação teatral para crianças e, a partir das 19h, shows com artistas da cidade. 1º de Maio - Ato político e encerrando com roda de samba (Eixo Monumental Setor Divulgação Cultural - estacionamento da Funarte - entre a Torre de TV e a Funarte) Espírito Santo Cidade: Vitória 10h - dia 30 - Feria da Agricultura Familiar e Economia Solidária, no Espaço Vida Saudável 19h - Luau com Preta Roots e Renato Casanova 7h - dia 1º – Concentração e caminhada da Praça dos Namorados até o Espaço Vida Saudável 11hs – Ato Político e show com Mano Feijó, Gang Sem Frescura e Bloco Bleque Goiás Cidade: Goiânia 10h - dia 30 - Início da Virada, na Praça do Trabalhador 1º de Maio - Apresentações culturais e ato político. Maranhão Cidade: São Luís 9h – dia 1º – Caminhada do Trabalhador, na Praça João Lisboa Mato Grosso Cidade: Cuiabá 15h – dia 1º - Caminhada do INCRA-CPA até Praça Cultural CPA II 17 h - Ato Político pela Democracia, com atividades Culturais Minas Gerais Cidade: Belo Horizonte 10h – dia 1º - Ato em defesa da democracia e contra o golpe, com marcha da Praça Afonso Arinos até a Praça da Liberdade, seguida de ato político-cultural na Praça da Liberdade e lançamento do Acampamento da Democracia  Pará Cidade: Belém 8h – dia 1º - Ato cultural na Praça da República, com café de acolhida e participação dos movimentos sociais  Paraíba Cidade: João Pessoa Ato “Democrassoca” em alusão às muriçocas do bloco de Carnaval Miramar, saindo da Praça das Muriçocas até o busto de Tamandaré, com manifestações culturais e políticas Pernambuco Cidade: Recife 9h – dia 1º - Caminhada pelo Centro de Recife, terminando na Rua da Moeda (Recife Velho) 12h - Ato Político 14h – Ato Cultural na tradicional Festa da Lavadeira Rio de Janeiro Cidade: Rio de Janeiro 20h – dia 30 – Viradão de sábado para domingo, na Lapa, com a Juventude e atrações culturais 14h – dia 1º - Roda de Samba na Lapa  Rio Grande do Norte Cidade: Natal 9h - dia 1º - Ato de resistência ao golpe, com concentração na Praça das Flores, em Petrópolis, seguido de caminhada até a Praia do Meio Cidade: Mossoró 17h30 – dia 30 - Roda de conversa sobre conjuntura e as consequências do golpe para a classe trabalhadora, na Praça da Igreja Nossa Senhora de Fátima Rio Grande do Sul Cidade: Porto Alegre 10h – dia 1º - Ato público no Monumento dos Expedicionários, no Parque da Redenção  Rondônia Cidade: Porto Velho  16h – dia 1º - Ato político e cultural, com panfletagem na Praça Madeira Mamoré  Roraima Cidade: Boa Vista 8 às 18h – dia 1º - Encontro na sede da FETRAFERR com trabalhadores rurais e urbanos, seguido de Ato pela Democracia São Paulo Cidade: São Paulo 10h – dia 1º - Assembleia Popular da Classe Trabalhadora contra o Golpe em Defesa da Democracia e por Nossos Direitos, no Vale do Anhangabaú, com participação da presidenta Dilma e do ex-presidente Lula Cidade: Sâo Sebastião (Praia do Camburi) 7h – dia 1º - Caminhada dos Trabalhadores, na Praça dos Namorados Cidade: Campinas 9h – dia 1º - Missa dos Trabalhadores na Catedral Metropolitana 14h - Ato político e cultural na Praça de Esportes Amil Rached Cidade: Bauru 18h – dia 1º - Ato político, seguido de shows e roda de samba na Vitória Regia Cidade: São Bernardo 10h – dia 1º - Ato no Espaço de Eventos Poliesportivos (Av. Kennedy) Santa Catarina Cidade: Florianópolis 15h – dia 1º - Dia de Luta dos Trabalhadores e Trabalhadoras no Largo da Alfândega Cidade: Chapecó 16h – dia 1º - Mateada dos Trabalhadores contra o Golpe e em Defesa da Democracia, em frente a Igreja Católica do Bairro Colatto Cidade: Joinville 9h30 - Encontro pela Democracia no Parque da Cidade Cidade: Laguna 15h – dia 1º - Ato em Defesa da Democracia e dos Nossos Direitos, próximo a Ponte Anita Garibaldi, em Cabeçudas Cidade: Blumenau 15h – dia 1º- Ato da Classe Trabalhadora em Defesa da Democracia na Praça Dr. Blumenau Sergipe Cidade: Aracajú 14h – dia 1º - Assembleia dos Trabalhadores contra o golpe, na Praça da Juventude, no Conjunto Augusto Franco Com informações da CUT Brasil



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.