Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Live discute tributação das altas rendas e grandes patrimônios para financiar a saúde pública

Primeira live temática promovida pela Campanha Tributar os Super-Ricos será na noite desta quarta-feira (18), com mediação da presidenta da Confetam/CUT, Vilani Oliveira

Escrito por: Confetam/CUT • Publicado em: 17/11/2020 - 10:50 • Última modificação: 17/11/2020 - 11:28 Escrito por: Confetam/CUT Publicado em: 17/11/2020 - 10:50 Última modificação: 17/11/2020 - 11:28

. .

A presidenta da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Vilani Oliveira, mediará a primeira live da Campanha Tributar os Super Ricos, a partir das 18h desta quarta-feira (18), com transmissão ao vivo pela página da Confetam no Facebook (facebook.com/confetam). 

Com o tema “Tributar os Super-Ricos para Investir na Saúde Pública”, a live contará com a participação da deputada federal Jandira Feghali, do economista Paulo Nogueira Batista Jr., do presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS), Sandro Alex de Oliveira, e do integrante do Conselho Nacional de Saúde (CNS), Getúlio Vargas Jr.

Lives temáticas

Lançada no dia 29 de outubro com o apoio da Confetam/CUT e mais de 60 entidades nacionais, a campanha promoverá lives temáticas, iniciando com a questão do financiamento da saúde pública. A riqueza total estimada dos 42 bilionários do Brasil é de aproximadamente R$ 600 bilhões. Com um imposto de 2% sobre essa fortuna daria para arrecadar R$ 12 bilhões por ano, valor suficiente para garantir o funcionamento de Unidades de Tratamento Intensivo para 267 mil pacientes infectados pela Covid-19 no país.

Está escrito na Constituição: a saúde é direito de todos e dever do Estado. No Brasil, sete em cada dez pessoas dependem exclusivamente do Sistema Único de Saúde (SUS). Com a pandemia, a importância do SUS ficou ainda mais evidente ao salvar milhares de vidas. Mas não há como garantir saúde pública sem dinheiro. E esse dinheiro, todo mundo sabe, está nas mãos das elites. Portanto, tributar os super-ricos agora significa salvar vidas!

Conheça nossas propostas e ajude a divulgar a campanha nacional pelo aumento dos impostos sobre altas rendas e grandes patrimônios dos SUPER-RICOS!

Serviço:

Live Tributar os Super-Ricos para Investir na Saúde Pública

Quarta-feira, dia 18 de novembro, às 18h

Transmissão ao vivo pela página da Confetam no Facebook (facebook.com/confetam)

 

Fonte: Instituto Justiça Fiscal (IJF)

Título: Live discute tributação das altas rendas e grandes patrimônios para financiar a saúde pública, Conteúdo: A presidenta da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Vilani Oliveira, mediará a primeira live da Campanha Tributar os Super Ricos, a partir das 18h desta quarta-feira (18), com transmissão ao vivo pela página da Confetam no Facebook (facebook.com/confetam).  Com o tema “Tributar os Super-Ricos para Investir na Saúde Pública”, a live contará com a participação da deputada federal Jandira Feghali, do economista Paulo Nogueira Batista Jr., do presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS), Sandro Alex de Oliveira, e do integrante do Conselho Nacional de Saúde (CNS), Getúlio Vargas Jr. Lives temáticas Lançada no dia 29 de outubro com o apoio da Confetam/CUT e mais de 60 entidades nacionais, a campanha promoverá lives temáticas, iniciando com a questão do financiamento da saúde pública. A riqueza total estimada dos 42 bilionários do Brasil é de aproximadamente R$ 600 bilhões. Com um imposto de 2% sobre essa fortuna daria para arrecadar R$ 12 bilhões por ano, valor suficiente para garantir o funcionamento de Unidades de Tratamento Intensivo para 267 mil pacientes infectados pela Covid-19 no país. Está escrito na Constituição: a saúde é direito de todos e dever do Estado. No Brasil, sete em cada dez pessoas dependem exclusivamente do Sistema Único de Saúde (SUS). Com a pandemia, a importância do SUS ficou ainda mais evidente ao salvar milhares de vidas. Mas não há como garantir saúde pública sem dinheiro. E esse dinheiro, todo mundo sabe, está nas mãos das elites. Portanto, tributar os super-ricos agora significa salvar vidas! Conheça nossas propostas e ajude a divulgar a campanha nacional pelo aumento dos impostos sobre altas rendas e grandes patrimônios dos SUPER-RICOS! Serviço: Live Tributar os Super-Ricos para Investir na Saúde Pública Quarta-feira, dia 18 de novembro, às 18h Transmissão ao vivo pela página da Confetam no Facebook (facebook.com/confetam)   Fonte: Instituto Justiça Fiscal (IJF)



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.