Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

FETAM/MS lança Campanha Salarial Unificada dos Servidores Municipais

Reajuste salarial com ganho real, defesa do concurso público e da estabilidade do servidor, e a revogação da Emenda Constitucional 95 estão na pauta da campanha.

Escrito por: CUT/FETAM/MS • Publicado em: 02/04/2019 - 14:30 • Última modificação: 02/04/2019 - 16:32 Escrito por: CUT/FETAM/MS Publicado em: 02/04/2019 - 14:30 Última modificação: 02/04/2019 - 16:32

FETEMS Dilma Gomes é diretora da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Municipal

A FETAM-MS (Federação Sindical dos Trabalhadores  e Trabalhadoras do Serviço Público Municipal de Mato Grosso do Sul) lançou, no dia 29 de março, em Campo Grande, a Campanha Salarial Nacional Unificada 2019 da Confetam/CUT – “Todos Juntos em Defesa dos Direitos Trabalhistas e do Serviço Público de Qualidade para o Povo Brasileiro”. O lançamento ocorreu durante a Conferência Estadual de Formação da CUT-MS (Central Única dos Trabalhadores do Estado), realizada no auditório da FETEMS (Federação Estadual dos Trabalhadores em Educação). 

A diretora da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT) e presidenta da FETAM-MS, Dilma Gomes, destacou a importância da Campanha Salarial dos Servidores Públicos Municipais. “A nossa campanha salarial traz como centralidade a defesa do concurso público e da estabilidade do servidor público, o direito à livre negociação salarial, a defesa da previdência pública e solidária, da democracia, dos direitos e da justiça fiscal”, destacou Dilma, citando alguns dos pontos de pauta da campanha.

FOTO: SÉRGIO SOUZA JÚNIORSérgio Souza Júnior

“Junto com a Escola e a Secretaria de Formação da CUT, podemos trazer para nossos trabalhadores e servidores municipais um debate qualificado de conjuntura e todas as mazelas dessa reforma da previdência, com recortes específicos aos servidores públicos, que estão perdendo muito. Além deste tema, pudemos debater a MP 873 do Bolsonaro e já pudemos perceber as vitórias de diversas categorias, que conquistaram liminares na justiça em favor da manutenção do desconto sindical, mostrando assim as vitórias que estamos tendo na justiça e como devemos nos movimentar”, afirmou a dirigente.

Ela também defendeu a integração das ações da Campanha Salarial com a Conferência Estadual de Formação da CUT-MS. “Entendemos que é de suma importância esta integração da campanha salarial no contexto da atividade de formação. Ao mesmo tempo que promove a integração com todos os sindicalistas cutistas do estado, cumpre um papel muito importante na articulação de nossas pautas e lutas”, disse Dilma.  

O Lançamento contou ainda com explanação de Adriana Tavares (secretária de Formação Sindical da FETAM-MS e secretária-geral do Sindicato dos Servidores Municipais de Nova Alvorada do Sul), que participou do evento nacional da categoria. A dirigente sindical reforçou a importância da integração das lutas, o cenário de dificuldades que a classe trabalhadora vem enfrentando pelas iniciativas do governo de extrema-direita. Ela destacou a importância do debate da comunicação e do diálogo com os servidores municipais para o enfrentamento da reforma da previdência e a defesa das pautas da Campanha Salarial.  

Participaram do lançamento da Campanha Salarial 2019  representantes dos servidores municipais de Caracol, Anastácio, Rio Negro, Fátima do Sul, Glória de Dourados, Terenos, Pedro Gomes e Nova Alvorada do Sul, a secretária de Formação Sindical da FETAM-MS e secretária-geral do Sindicato dos Servidores Municipais de Nova Alvorada do Sul, Adriana Tavares, entre diversos convidados.

“Este é um momento em que a classe trabalhadora tem que estar unida contra a retirada de direitos, como o próprio mote da nossa campanha diz: 'Todos juntos em defesa dos direitos trabalhistas e do serviço público de qualidade para o povo brasileiro' ", concluiu a dirigente da Confetam/CUT, Dilma Gomes

Conheça a pauta da Campanha Salarial 2019 dos Servidores Municipais

- Defesa do concurso público e da estabilidade do servidor;

- Direito à livre negociação no serviço público;

- Defesa do SUS (Sistema Único de Saúde) e do SUAS (Assistência Social);

- Defesa da educação pública, de qualidade, laica e emancipadora;

- Revogação da Emenda Constitucional 95;

- Reajuste salarial com ganho real;

- Defesa da Previdência pública e solidária;

- Defesa da democracia e dos direitos

- Justiça Fiscal

 Com informações FETEMS

Título: FETAM/MS lança Campanha Salarial Unificada dos Servidores Municipais, Conteúdo: A FETAM-MS (Federação Sindical dos Trabalhadores  e Trabalhadoras do Serviço Público Municipal de Mato Grosso do Sul) lançou, no dia 29 de março, em Campo Grande, a Campanha Salarial Nacional Unificada 2019 da Confetam/CUT – “Todos Juntos em Defesa dos Direitos Trabalhistas e do Serviço Público de Qualidade para o Povo Brasileiro”. O lançamento ocorreu durante a Conferência Estadual de Formação da CUT-MS (Central Única dos Trabalhadores do Estado), realizada no auditório da FETEMS (Federação Estadual dos Trabalhadores em Educação).  A diretora da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT) e presidenta da FETAM-MS, Dilma Gomes, destacou a importância da Campanha Salarial dos Servidores Públicos Municipais. “A nossa campanha salarial traz como centralidade a defesa do concurso público e da estabilidade do servidor público, o direito à livre negociação salarial, a defesa da previdência pública e solidária, da democracia, dos direitos e da justiça fiscal”, destacou Dilma, citando alguns dos pontos de pauta da campanha. FOTO: SÉRGIO SOUZA JÚNIOR “Junto com a Escola e a Secretaria de Formação da CUT, podemos trazer para nossos trabalhadores e servidores municipais um debate qualificado de conjuntura e todas as mazelas dessa reforma da previdência, com recortes específicos aos servidores públicos, que estão perdendo muito. Além deste tema, pudemos debater a MP 873 do Bolsonaro e já pudemos perceber as vitórias de diversas categorias, que conquistaram liminares na justiça em favor da manutenção do desconto sindical, mostrando assim as vitórias que estamos tendo na justiça e como devemos nos movimentar”, afirmou a dirigente. Ela também defendeu a integração das ações da Campanha Salarial com a Conferência Estadual de Formação da CUT-MS. “Entendemos que é de suma importância esta integração da campanha salarial no contexto da atividade de formação. Ao mesmo tempo que promove a integração com todos os sindicalistas cutistas do estado, cumpre um papel muito importante na articulação de nossas pautas e lutas”, disse Dilma.   O Lançamento contou ainda com explanação de Adriana Tavares (secretária de Formação Sindical da FETAM-MS e secretária-geral do Sindicato dos Servidores Municipais de Nova Alvorada do Sul), que participou do evento nacional da categoria. A dirigente sindical reforçou a importância da integração das lutas, o cenário de dificuldades que a classe trabalhadora vem enfrentando pelas iniciativas do governo de extrema-direita. Ela destacou a importância do debate da comunicação e do diálogo com os servidores municipais para o enfrentamento da reforma da previdência e a defesa das pautas da Campanha Salarial.   Participaram do lançamento da Campanha Salarial 2019  representantes dos servidores municipais de Caracol, Anastácio, Rio Negro, Fátima do Sul, Glória de Dourados, Terenos, Pedro Gomes e Nova Alvorada do Sul, a secretária de Formação Sindical da FETAM-MS e secretária-geral do Sindicato dos Servidores Municipais de Nova Alvorada do Sul, Adriana Tavares, entre diversos convidados. “Este é um momento em que a classe trabalhadora tem que estar unida contra a retirada de direitos, como o próprio mote da nossa campanha diz: Todos juntos em defesa dos direitos trabalhistas e do serviço público de qualidade para o povo brasileiro , concluiu a dirigente da Confetam/CUT, Dilma Gomes Conheça a pauta da Campanha Salarial 2019 dos Servidores Municipais - Defesa do concurso público e da estabilidade do servidor; - Direito à livre negociação no serviço público; - Defesa do SUS (Sistema Único de Saúde) e do SUAS (Assistência Social); - Defesa da educação pública, de qualidade, laica e emancipadora; - Revogação da Emenda Constitucional 95; - Reajuste salarial com ganho real; - Defesa da Previdência pública e solidária; - Defesa da democracia e dos direitos - Justiça Fiscal  Com informações FETEMS



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.