Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Curitiba: Educadores terão consulta pública para direção nos cmeis

Em primeira reunião, comissão se organiza para construir legislação sobre o tema.

Escrito por: • Publicado em: 18/08/2014 - 00:00 Escrito por: Publicado em: 18/08/2014 - 00:00

O Sismuc participou hoje da primeira reunião da comissão que vai construir a regulamentação da consulta pública para direções de cmeis. Organizada pela superintendência de educação infantil da Secretaria, o encontro focou nas datas para próximas reuniões e na composição dos grupos que analisarão legislações de outros municípios. Esta será a primeira tarefa da comissão, que deve usar como referência outras leis e decretos a respeito da pauta.
Mas a gestão já adiantou que tem 25 páginas de proposta. Assim, fica claro que a Prefeitura quer validar o que já preparou. Portanto, o trabalho do Sismuc será questionar o modelo proposto, localizar textos que justifiquem a visão de educadores da base e lutar pela inclusão de trechos que fortaleçam e ampliem direitos dos trabalhadores. Desde a Greve dos Educadores, a categoria tem consolidado a conquista das eleições para chefia do seu local de trabalho. O formato, entretanto, será o de consulta pública em vez de eleição, por recomendação do Ministério Público.
Fonte: SISMUC

Título: Curitiba: Educadores terão consulta pública para direção nos cmeis, Conteúdo: O Sismuc participou hoje da primeira reunião da comissão que vai construir a regulamentação da consulta pública para direções de cmeis. Organizada pela superintendência de educação infantil da Secretaria, o encontro focou nas datas para próximas reuniões e na composição dos grupos que analisarão legislações de outros municípios. Esta será a primeira tarefa da comissão, que deve usar como referência outras leis e decretos a respeito da pauta. Mas a gestão já adiantou que tem 25 páginas de proposta. Assim, fica claro que a Prefeitura quer validar o que já preparou. Portanto, o trabalho do Sismuc será questionar o modelo proposto, localizar textos que justifiquem a visão de educadores da base e lutar pela inclusão de trechos que fortaleçam e ampliem direitos dos trabalhadores. Desde a Greve dos Educadores, a categoria tem consolidado a conquista das eleições para chefia do seu local de trabalho. O formato, entretanto, será o de consulta pública em vez de eleição, por recomendação do Ministério Público. Fonte: SISMUC



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.