Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Confetam/CUT fortalece Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência e da Aposentadoria

No Ceará, a presidenta da entidade, Vilani Oliveira, participou de ato público e convidou o movimento sindical a dialogar com a população para barrar a reforma da previdência de Bolsonaro.

Escrito por: Déborah Lima • Publicado em: 21/02/2019 - 16:32 • Última modificação: 21/02/2019 - 17:17 Escrito por: Déborah Lima Publicado em: 21/02/2019 - 16:32 Última modificação: 21/02/2019 - 17:17

. Presidenta Vilani Oliveira participou de Tribuna Livre na Praça do Ferreira, em Fortaleza

Servidores municipais de Maracanaú, Caucaia, Quixadá, Tabuleiro do Norte, Barreira e diversos municípios do Ceará participaram, nesta quarta (20), da Tribuna Livre na Praça do Ferreira, em Fortaleza, para denunciar aos trabalhadores os prejuízos causados pela PEC da Reforma da Previdência apresentada no mesmo dia à Câmara dos Deputados pelo presidente Bolsonaro .

A presidenta da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Vilani Oliveira, participou do ato público e afirmou que o combate à reforma do governo de ultradireita é uma luta necessária.

"Ficamos todas estarrecidas com a proposta que foi encaminhada (à Câmara). A gente surta com a capacidade que ele (Bolsonaro) tem de piorar o que já estava em curso. Fica o alerta para todos os segmentos, as mulheres, a juventude... Minha filha hoje foi fazer as contas: por essa reforma, ela não se aposenta. Então, é muito grave o que está em curso", alertou Vilani.

Ela lembrou que na última reunião, realizada no dia 12, em São Paulo, a direção nacional da entidade apontou a luta contra a reforma da previdência como carro-chefe da Campanha Salarial Nacional Unificada 2019 da Confetam/CUT. 

A presidenta disse que o movimento sindical precisa promover mais tribunas livres, como a realizada na capital do Ceará, para convencer a população a ir às ruas contra a tentativa do governo Bolsonaro de destruir o direito dos trabalhadores à aposentadoria.

"Espero que a gente possa replicar esses debates em todos os municípios deste imenso país, para debater com a população, ir para os locais de trabalho, enfim, conversar com toda a sociedade para poder barrar essa reforma", assinalou.

Título: Confetam/CUT fortalece Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência e da Aposentadoria, Conteúdo: Servidores municipais de Maracanaú, Caucaia, Quixadá, Tabuleiro do Norte, Barreira e diversos municípios do Ceará participaram, nesta quarta (20), da Tribuna Livre na Praça do Ferreira, em Fortaleza, para denunciar aos trabalhadores os prejuízos causados pela PEC da Reforma da Previdência apresentada no mesmo dia à Câmara dos Deputados pelo presidente Bolsonaro . A presidenta da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Vilani Oliveira, participou do ato público e afirmou que o combate à reforma do governo de ultradireita é uma luta necessária. Ficamos todas estarrecidas com a proposta que foi encaminhada (à Câmara). A gente surta com a capacidade que ele (Bolsonaro) tem de piorar o que já estava em curso. Fica o alerta para todos os segmentos, as mulheres, a juventude... Minha filha hoje foi fazer as contas: por essa reforma, ela não se aposenta. Então, é muito grave o que está em curso, alertou Vilani. Ela lembrou que na última reunião, realizada no dia 12, em São Paulo, a direção nacional da entidade apontou a luta contra a reforma da previdência como carro-chefe da Campanha Salarial Nacional Unificada 2019 da Confetam/CUT.  A presidenta disse que o movimento sindical precisa promover mais tribunas livres, como a realizada na capital do Ceará, para convencer a população a ir às ruas contra a tentativa do governo Bolsonaro de destruir o direito dos trabalhadores à aposentadoria. Espero que a gente possa replicar esses debates em todos os municípios deste imenso país, para debater com a população, ir para os locais de trabalho, enfim, conversar com toda a sociedade para poder barrar essa reforma, assinalou.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.