Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Agentes administrativos apontam lutas por transformação na carreira

Escrito por: • Publicado em: 05/11/2014 - 00:00 Escrito por: Publicado em: 05/11/2014 - 00:00

Segmento tem condição de avanços em pautas como transformação da carreira, reposição salarial e combate a desvios de função.
Os agentes administrativos são o maior segmento da Prefeitura de Curitiba, presente em todos os locais de trabalho, do cemitério, passando pelos cmeis, no interior das USs, no prédio central da gestão.
Porém, a identidade desse profissional e a organização enquanto classe trabalhadora fica comprometida em alguns momentos, devido ao fato de o vínculo dele não ser fixo em uma única secretaria, o que compromete o acesso a direitos e conquistas próprios do trabalhador de cada pasta correspondente da gestão municipal.
Frente a isso, uma única saída: mobilização. Os agentes administrativos precisam unificar-se para combater problemas comuns no dia a dia: desvios de função, excessos cometidos por algumas chefias e defasagem salarial são algumas das questões elencadas na reunião do Coletivo dos agentes administrativos, no dia 3 de novembro.
“É uma categoria grande, que possui força de mobilização, e que hoje não pode estar dividida. Ainda não tivemos uma grande mobilização, agora é o momento para isso”, avalia João Guilherme Bernardes, coordenador do Sismuc.
Isso porque há chance real de avanços na transformação para a carreira de nível técnico administrativo. “Independente da lotação em cada secretaria, há boas chances de conseguir esta vitória”, avalia Bernardes.
Como encaminhamento, o coletivo apontou a solicitação de estudo para o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) referente às faixas salariais da carreira de agentes administrativos de outros municípios.
Serviço:
Reunião Coletivo dos Agentes Administrativos
Data: 1 de dezembro (segunda)
Horário: 19h
Pauta: Construção da pauta para as lutas e campanha salarial de 2015


Título: Agentes administrativos apontam lutas por transformação na carreira, Conteúdo: Segmento tem condição de avanços em pautas como transformação da carreira, reposição salarial e combate a desvios de função. Os agentes administrativos são o maior segmento da Prefeitura de Curitiba, presente em todos os locais de trabalho, do cemitério, passando pelos cmeis, no interior das USs, no prédio central da gestão. Porém, a identidade desse profissional e a organização enquanto classe trabalhadora fica comprometida em alguns momentos, devido ao fato de o vínculo dele não ser fixo em uma única secretaria, o que compromete o acesso a direitos e conquistas próprios do trabalhador de cada pasta correspondente da gestão municipal. Frente a isso, uma única saída: mobilização. Os agentes administrativos precisam unificar-se para combater problemas comuns no dia a dia: desvios de função, excessos cometidos por algumas chefias e defasagem salarial são algumas das questões elencadas na reunião do Coletivo dos agentes administrativos, no dia 3 de novembro. “É uma categoria grande, que possui força de mobilização, e que hoje não pode estar dividida. Ainda não tivemos uma grande mobilização, agora é o momento para isso”, avalia João Guilherme Bernardes, coordenador do Sismuc. Isso porque há chance real de avanços na transformação para a carreira de nível técnico administrativo. “Independente da lotação em cada secretaria, há boas chances de conseguir esta vitória”, avalia Bernardes. Como encaminhamento, o coletivo apontou a solicitação de estudo para o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) referente às faixas salariais da carreira de agentes administrativos de outros municípios. Serviço: Reunião Coletivo dos Agentes Administrativos Data: 1 de dezembro (segunda) Horário: 19h Pauta: Construção da pauta para as lutas e campanha salarial de 2015



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.